Academia e hérnia de abdome: tem a ver?


academia, musculação pode causar hérnia

Academia e hérnia de abdome: tem a ver?


Claro que nem sempre. E o objetivo desse texto aqui é esclarecer quando isso acontece e trabalharmos juntos na prevenção. Vamos lá?


Hérnias de abdome

Antes de mais nada, aqui a gente não está falando das hérnias de coluna. Esse post fala sobre as hérnias de abdome, entre elas a inguinal, umbilical, epigástrica...


Você pode entender melhor sobre o que elas são clicando aqui.


Academia

Entre as causas de aparecimento das hérnias de abdome pode estar o esforço exagerado. Carregar muito peso, no dia a dia, pode ser um hábito que impacta a parede abdominal em algum ponto, podendo provocar a tensão e deformação que caracteriza a hérnia.


Bem como, fazer exercícios com muito peso, na academia também pode ter o mesmo efeito. Nesse sentido, ao determinar uma rotina de treinamentos, é importante você conversar com seu professor se você tem casos de hérnia na família. Esse pode ser um fator relevante.


E, no check-up anual, peça que o médico faça essa avaliação local. Quanto mais cedo a hérnia for localizada mais chance de evitar contra o agravamento.


Musculação

Antes de tudo, a orientação para pessoas que já apresentam hérnias abdominais é evitar a musculação. Além da dor, o quadro pode ter um agravamento, aumentar e evoluir para um encarceramento – que é quando a hérnia não se retrai em nenhuma posição. E ainda pode ocorrer o estrangulamento – que é quando corta a circulação.


Acima do Peso?

Outro fator de aparecimento é o acúmulo de gordura no abdome. O sobrepeso e, principalmente, a obesidade agem na estrutura da região, muitas vezes enfraquecendo tecidos e musculatura e favorecendo a formação de hérnias.


Além disso, vale lembrar que a hérnia é um deslocamento de um órgão interno que só encontra espaço para fazer esse movimento diante de alguma alteração de sustentação – uma perfuração.


Esse vídeo explica como a cirurgia é o tratamento mais comum em casos de hérnia. E como ela pode ser minimamente invasiva, com recuperação mais rápida.


ACADEMIA TAMBÉM AJUDA A PREVENIR

Falamos dos riscos. Por outro lado, fazer exercícios para fortalecer a musculatura abdominal, é uma boa forma de tentar prevenir as hérnias.


Sempre lembrando de aumentar as atividades progressivamente. A pressa de conseguir resultados estéticos mais rapidamente pode ser um complicador.


Desse modo, se você está voltando a se exercitar, busque começar com atividades mais leves, como a caminhada. E comece a trabalhar o abdome escalonando os exercícios aos poucos.



Dúvidas sobre o assunto? mande mensagem.

Por fim, se quer saber mais sobre o tratamento da obesidade e cirurgia bariátrica, acompanhe nossas redes sociais.

No Youtube, por exemplo, você tem playlists sobre o assunto.

Em primeiro lugar, lembre-se que o médico pode ser seu melhor aliado,

Dr Demetrius Germini