Veja os benefícios da cirurgia bariátrica


benefícios cirurgia bariátrica; sexo



Benefício inegável sobre a perda de peso é a sobrevida


A obesidade é um fator determinante em cerca de 168 mil mortes por ano no Brasil. Esse levantamento, feito pela UNIFESP mostra o impacto das doenças associadas que surgiram por causa do excesso de peso. No mundo, são quase 3 milhões de pessoas que perdem a vida por ano. Tudo por conta de impactos negativos na saúde que podem ser combatidos com tratamento. Entre eles, a cirurgia bariátrica.


Mais anos de vida

A cirurgia para perda de peso demonstrou reduzir o risco de morte de uma pessoa por qualquer causa em mais de 40 por cento. Mas, aí você pergunta: E os riscos da cirurgia em si? São muito baixos: menores que 0,2%.


Quantos anos a mais?

Depende de cada caso. E generalizar pode ser arbitrário. Mas, em média, ganha-se de 6 a 12 anos por conta das alterações positivas proporcionadas pela cirurgia bariátrica.


Redução das Comorbidades

Já falamos mais sobre cada uma das comorbidades, neste outro texto. Mas, sem dúvida, esse é um benefício da bariátrica que é bom enfatizar porque muitas dessas comorbidades começam a aliviar e podem desaparecer já nas primeiras semanas depois da cirurgia.


A melhora do diabetes tipo 2, por exemplo, ocorre em torno de 80-90% dos operados, a hipertensão arterial em torno de 70-80%, a apneia do sono em mais de 90% e doenças osteoarticulares em 90% dos submetidos a essa intervenção cirúrgica.


Melhora a vida sexual

Outro benefício da cirurgia bariátrica que já falei mais sobre esse aspecto, nesse vídeo. E não poderia deixar de citar como um dos benefícios por muitas razões. Como a obesidade altera os níveis hormonais, não é raro que se perca a libido.


Após a bariátrica, com o reequilíbrio dos hormônios, é frequente a volta do desejo e a retomada da atividade sexual. Além dos efeitos psicológicos positivos, a prática com mais frequência ajuda na liberação de hormônios do bem-estar.


Entre eles, a endorfina que é um analgésico natural. E, um nível mais alto dessa substância, junto com a ocitocina (outro hormônio liberado durante o sexo), pode aliviar dores crônicas.


O cortisol também sobe e é ele quem traz a sensação de relaxamento. Consequentemente, mais relaxamento, menos estresse, menos fome... E menos risco de retomada de peso. Olha que bacana!


Quer mais sobre esse assunto?


Veja como a obesidade altera o metabolismo

E o psicológico, como fica?


Tem também videos sobre o assunto, no nosso canal do Youtube.

E notícias no nosso canal do Instagram.


Cuide de você ! E viva com qualidade !


Dr Demetrius Germini


ebook cirurgia bariátrica

Referências do artigo: Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariatrica e Metabólica

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo